Veneza embaixo d’agua. Inundação recorde provoca caos e faz duas vítimas

Veneza embaixo d'agua

Uma das cidades mais visitadas do mundo está embaixo d’água: Veneza, na Itália.

Nesta época, a cidade italiana costuma ser afetada pela chuva, mas este ano a situação se agravou ainda mais devido a uma forte ventania. Uma nota da prefeitura diz que Veneza está completamente submersa pela água, tendo atingindo o pico histórico de 1,87 metro, como informa o GreenMe Itália. A última vez em que a cidade chegou a viver cenas mais dramáticas foi em 1966, quando a água chegou a 1,94 metro.

O prefeito de Veneza, Luigi Brugnaro, comentou em seu Facebook que: “Uma maré de 187 cm é uma ferida que deixa marcas indeléveis.”

A tempestade do vento que assola a cidade fez duas vítimas na ilha de Pellestrina, uma morta por uma corrente elétrica e outra isolada em sua casa. Várias regiões estão sem luz e escolas estão sem funcionar, devido às fortes rajadas de vento.

Um dos principais pontos turísticos de Veneza, a Piazza San Marco, está completamente tomada pela água. Caminhar até a famosa Basílica é praticamente impossível.

Brugnaro disse que será decretado estado de catástrofe natural em Veneza, “porque os custos (os danos) serão provavelmente significativos e se espera que o nível da água continue subindo”, informa a IstoÉ.

O prefeito chamou a atenção para a necessidade de esforços conjuntos para enfrentar o que ele acredita ser “claramente o impacto da mudança climática”.

Talvez te interesse ler também:

AUSTRÁLIA EM CHAMAS: INCÊNDIO QUEIMA FLORESTAS E SE ALASTRA PARA AS CIDADES

FIÉIS MERGULHAM EM NUVEM DE POLUIÇÃO NO RIO YAMUNA, NOVA DÉLI

PRESIDENTE BOLSONARO GANHA O PRÊMIO ‘RACISTA DO ANO’ EM LONDRES

Fonte foto

Doutora em Estudos de Linguagem, Mestra em Linguística e Especialista em Ensino de Língua Portuguesa, escreve para GreenMe desde 2015.
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!