As tristes imagens de urso-polares brincando com lixo plástico no Alasca

ursos-plástico

Grande parte do plástico que produzimos e usamos se transforma em lixo que acaba se acumulando no meio ambiente, causando poluição em nosso planeta!

Todos os dias, temos imagens de oceanos e praias invadidos por plástico, animais que morreram porque se enroscaram no excesso de plástico lançados em seus habitats, peixes e mamíferos marinhos com o estômago cheio de redes de pesca, garrafas e sacolas plásticas.

Uma dessas imagens deprimentes são de dois ursos-polares brincando inocentemente com uma embalagem de plástico, no Alasca.

Esta cena triste é mais uma das milhares já testemunhadas e flagradas por fotógrafos profissionais ou não. Cenas que mostram como nosso o modo de vida está sujando o meio ambiente com resíduos de lixos sólidos, comprometendo gravemente toda a vida na Terra.

A recente foto dos dois ursos-polares foi tirada pelo fotógrafo Danny Sullivan e mostra eles disputando uma embalagem de plástico, com um deles segurando-a com a boca e mordendo-a. Com isso o jovem urso-polar provavelmente tenha ingerido partículas de plástico.

Além da presença de poluentes plásticos em uma região que não deveria ter, a fotografia tirada no início de outubro desse ano mostra um outro aspecto alarmante: o nível de neve deveria ser de cerca de um metro e meio e em condições normais, o plástico teria sido coberto pela neve, porém, devido ao aquecimento global e ao degelo polar não há vestígio de neve.

Com a temperatura acima do normal, que foi 5 °C, nesse período, os ursos-polares têm dificuldades de encontrar alimentos, modificando seus hábitos e saindo em busca do que possam encontrar para saciarem a fome.

Toda esta situação revela o impacto destrutivo causado pelo ser humano aos animais e a Natureza, pois, até no Alasca o lixo plástico foi parar!

Fica a pergunta que não quer calar: como uma embalagem plástica foi parar em uma região polar!?

Algumas das possibilidades em resposta à esta pergunta são que pode ter ido parar no mar, vindo de qualquer lugar ou até de exploradores que estão nessa região. Seja como for,  isso mostra como os hábitos humanos estão produzindo efeitos negativos em todas as partes do planeta.

A conclusão de tudo isso é que a sociedade humana precisa reavaliar e mudar seu estilo “destrutivo” de vida, com a finalidade de eliminar o máximo possível o impacto prejudicial que vem causando aos seres vivos e seus habitats.

Cada um de nós pode fazer sua parte diminuindo o lixo plástico como, por exemplo, evitando comprar água ou outras bebidas em garrafas plásticas, eliminando o uso de canudos de plástico, preferindo produtos feitos com outros materiais, como vidro, papel ou plástico ecológico (feito com matéria-prima vegetal, biodegradável).

Pequenas atitudes de nossa parte podem fazer uma grande diferença para melhor qualidade de vida em nosso planeta!

Talvez te interesse ler também:

JOVEM BALEIA MORRE COM 100 QUILOS DE PLÁSTICO NO ESTÔMAGO: É O SÍMBOLO DA POLUIÇÃO DE NOSSOS MARES

50 URSOS-POLARES FAMINTOS INVADEM UMA VILA RUSSA: OS HABITANTES OS ALIMENTAM

EMERGÊNCIA HÍDRICA GLOBAL: 1,9 BILHÃO DE PESSOAS EM RISCO DE ESCASSEZ DE ÁGUA

Professora, alfabetizadora, formada em História pela Universidade Santa Cecília, tem o blog A Vida nos fala e escreve para GreenMe desde 2017.
Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!